Guerra

by Diskerda

/
  • Streaming + Download

    Includes unlimited streaming via the free Bandcamp app, plus high-quality download in MP3, FLAC and more.

      $4.99 USD  or more

     

1.
2.
03:33
3.
4.
5.
6.
03:59
7.
8.
05:33
9.
05:06
10.
03:48
11.
12.
13.
03:54
14.
02:37

credits

released February 15, 2009

Composto por Moacyr Oliveira, Guilherme Oddone, Tiago Jardim e Elbert Marrocos.

Produzido por Leonardo Putrino.

Mixado e Masterizado por Omar Campos em Art Brasil Studio Ltda.

Moacyr Oliveira - Vocais
Guilherme Oddone - Guitarra e Vocais
Elbert Marrocos - Baixo e Vocais
Tiago Jardim - Bateria

All rights reserved ©2009

tags

license

all rights reserved

about

Diskerda São Paulo, Brazil

contact / help

Contact Diskerda

Streaming and
Download help

Track Name: Nóia
Você anda na nóia sem saber
Viver não faz parte de você
A um passo escuro no ar
Agora não consegue mais chorar

Como você pode ser desavisado
Você só pode mesmo viver enjaulado
Tua vida anda para trás e você nem percebe
O que você quer ser pra não ser um muleque

O que vai ser, como vai ser?
Tome uma atitude, seja homem pra valer 4X

Ontem estávamos na rua mais um fora
O que você quer mesmo ser nesta hora?
Tuas chances de sobreviver estão escura em você
O que você faz por merecer?

O que vai ser, como vai ser?
Tome uma atitude, seja homem pra valer 8x
Track Name: Beco dos Perdidos
Quando o chão estremecer
De certo atentos porque não
Vidas para reconhecer
Mas em breve onde estarão

Não tem sonhos a realizar
Sem destino para ficar
Não tem canto para chorar
Só a morte por chegar

Violência vida coisa distorcida
Tudo pode ser nada é para crer
Violência vida coisa distorcida
Faça tudo isso faça acontecer

Faça tudo isso faça por você
Track Name: Desespero Sem Bolso
Ponho a mão no bolso e sinto agonia
Sei o quanto pesa no dia a dia
Esta aflição não vai acabar
Mais algum dia isto tem que mudar

Faça o que quiser, deixe acontecer
Estamos aqui é só pra se foder
Rodo para ter, rezo sem crer, vida como essa não parece acontecer
Vai se foder, vai!

Ponho a mão no bolso e sinto agonia
Sei o quanto pesa no dia a dia
Esta aflição não vai acabar
Mais algum dia isto tem que mudar

Faça o que quiser deixa acontecer
Estamos aqui é só pra se foder
Rodo para ter, rezo sem crer, vida como essa não parece acontecer
Vai se foder
Track Name: É Pra Isso o Poder?
Saindo por um tiro da culatra
E lá se vai mais uma baixa
E quem liga, pois tudo esta na faixa
É assim que tudo passa
Tem tempestade
Tem fumaça e ninguém fala nada

Tudo amarga é uma marra
Tudo amarga é uma marra

Quantas vezes tento entender
O sistema do poder
E perder já é o ato de ser
Que para homem tem que sofrer

Não da para crer, isso é o poder !
Não da para crer, isso é o poder!
Não da para crer

Os caras pedem votos
Distribui abraços e beijinhos
E no discurso diz que foi exilado
Mas cortam os recursos de ensino dos meninos
Cara de pau isto é normal
Cara de pau isto é normal
Cara de pau
Track Name: Poder Agiota
Aliar plano compromisso nesta vida desgraçada
Corrompida e desvairada onde nada é de graça
Sei que é triste e tudo passa
Mas na boca tudo amarga
Só na luta pela amada
Olha lá se não é nada

Nada, nada!

Quero dizer tantas coisas
Mais nem sempre é possível
Tenho vontade de gritar
As vezes de chorar
Nem sei se sei amar
Ai meu Deus o que é que há

Não há...

Vida amarga
As vezes ingrata
Sei que isto passa
Mais nada é de graça
Track Name: Conexão Nordeste
Vindo para São Paulo
Com a fome do nordeste
Cheguei para trabalhar
Mas ninguém me da um teste
Sei que é difícil de sobreviver
Ma acho que cheguei aqui só pra me foder

Só pra me foder,só pra me foder
Só pra me foder,só pra me foder

Conto com padrinho Cícero
Que é pra me ajudar, mas os meus meninos
Que não param de chorar
A fome é brava fato que não vai mudar
Mais eu não tenho como voltar

Que sina que sina
Vida e morte Severina 4X
Track Name: Drogado
Meu ser amortece
Vejo as estrelas ao chão
Me sinto nos braços do universo e vem o medo

O arco íris não brilha mais
Seu arco estampado como lata
Tudo sem sentido tudo escuro sem brilho

Preciso sentido, de ter algo por lutar
Quando me vejo, nada para acreditar
Penso até em beijar o céu
Minha vida na seringa destilada
Tudo sem sentido tudo escuro sem brilho
Track Name: No Limite
Quando tudo passou do limite
E você percebe que está no fim
E aí não tem esperança e o que falta é só cair
Não é possível de imaginar, e não tem jeito de viver assim
Tentando sair algo que não parece ter mais fim

Escolha as armas pra lutar, é uma maneira de se encontrar
E não me leve na maldade porque tudo ha de passar

Sei que tudo tem um começo e pra tudo tem o seu meio e fim
Tenho comigo que é olhar para frente e não dou chances de voltar atrás
E no meio desta multidão
No desespero da desilusão, sou apenas vitima do meio
Não se preocupe comigo não

Escolha as armas pra lutar, é uma maneira de se encontrar
E não me leve na maldade porque tudo a de passar
Track Name: Corja
Atitude insana
Coisa de desesperado
Nada da sentido
Só o deboche escancarado
Vitima da luxuria
Prisioneiro egoísta
Sempre mau intencionado
Você é filho mau
Daquela corja burguesa de nariz empinado

Eu quero mesmo é que você se foda
Eu quero mesmo é que você se foda
Eu quero mesmo é que você se foda

Coisa simples de entender
Não deveria ser assim
Mas quando tudo acabar
Nada vamos levar
Track Name: Despertar em Flash
Sinto agonia
E nem começou o dia
Onde isto vai dar
Sem precisar chorar

Sons, flashs,
Tons, tez

Vejo morrer
Ser ou não ser
Loucos ou não
Eis a questão

Sons, flashs,
Tons, tez
Track Name: Vida Vida
Não sei se é preciso dizer
Nem sei se é mais fácil matar ou morrer
Não se estou aqui pra esquecer
Nem sei se vim para sofrer

Um ponto escuro no ar
Uma história para contar
Um pensamento um olhar
É pra se rir ou pra chorar

O tudo é por acaso
Nem sempre o acaso é tudo
Para uns a vida é um saco
Para outros a vida é tudo